Micropigmentação de Aréola e Mastectomia

Mastectomia e Micropigmentação de Aréola

Aula “Mastectomia e Reconstrução de Aréola” para Liga de Ginecologia e Obstetrícia da Universidade Estadual de Campinas – UNICAMP. Ministrada pela Dra. Simone Elias, Mastologista, Professora ajunta Doutora, e coordenadora do ambulatório de Mastologia da Universidade Federal de São Paulo – UNIFESP (https://br.linkedin.com/in/simone-eli…), e Viviane Gabriella Batista, Esteticista, Micropigmentadora, Voluntária e realizadora do Projeto Cereja.(https://www.linkedin.com/in/vivianega…).

Projeto Cereja – Informações clique aqui https://sobrancelhascomlinha.com/micr…

Curso de Micropigmentação de Aréola https://sobrancelhascomlinha.com/curs…

Tatuagem de Aréola

Micropigmentação Paramédica de Aréola – Tatuagem de Aréola

logo viviane gabriella batista

 A tatuagem pode ir muito além arte corporal

 O artista especializado em Micropigmentação Paramédica, pode restaurar o que a natureza, uma lesão ou uma doença pode ter tirado com um procedimento chamado de tatuagem paramédica.

É uma técnica que pode resgatar a auto-estima de mulheres que venceram o câncer de mama se sentirem plenas.

Depois que o paciente tem o encaminhamento do médico, um artista especializado em trabalho paramédico vai tatuar uma combinação de cores para criar um efeito realista da micropigmentação de Aréola e do mamilo em 3D.

A tatuagem de Aréola também pode ser feito em clientes que perderam a sua cor natural do mamilo ou desejam melhorar a sua cor natural. Consiste em restaurar não só a pigmentação das aréolas e mamilos, como também, a simetria das mamas.

Pacientes que foram submetidos às cirurgias de Mamoplastia de Aumento (Prótese Mamária), Mastectomia (retirada da mama) e Mastopexia (ptose mamária).

Também pode ser feita a micropigmentação paramédica em pacientes que sofreram queimaduras, alopecia (uma forma de perda de pelos)ou quimioterapia,  também podem se beneficiar de tatuagem médica, restaurando lábios, sobrancelhas e cílios com aparência natural.

O tratamento de Cicatrizes é outra área paramédica que faz uso de Micropigmentação Paramédica.

A tatuagem de aréola é um processo simples e artístico, depois de feita a escolha de cores e forma. Mas pode levar várias sessões para alcançar os resultados desejados e criar nuances de sombreamento para dar os toques realistas.

Viviane Gabriella Batista

Projeto Cereja

Trabalho voluntário junto a equipe de Mastologia – Universidade Federal de São Paulo – UNIFESP

Escola Paulista de Medicina

Este slideshow necessita de JavaScript.

Title: The Cerise Project – a positive impact on patients breast cancer

Authors: Simone Elias, Viviane Gabriella Batista, Gil Facina, Ricardo Pinto, Vanessa C. Resende, Vanessa M. Sanvido, Miguel Sabino, Afonso C.P. Nazário

Institution: Federal University of São Paulo / Paulista School of Medicine

cancer de mama

Objectives: Reconstruction of the nipple-areola complex (NAC) is one of the last steps in rehabilitating pacientes following mastectomy, which closely resembles the original. Multiple surgical techniques, of varying complexity and usefulness, are available for NAC reconstruction. The main criterion for success NAC reconstruction is symmetry of position, size, color, and projection. Recently, the patients of our breast cancer outcome clinic also have this resource to complement the breast reconstruction. It is called “The Cerise Project” which also aims teaching of medical residents to spread the art. Methodology: After appropriate post-operative period (6-10 weeks), the patient is referred for evaluation. If necessary, a physician performs the reconstruction of the nipple through the techniques of “CV flap” or “double opposing tab”. Postoperative care should be strict because these patients have comorbidities. The occluded area should be maintained at least for 48 hours and should be used healing. Later, a specialized professional in paramedical micropigmentation performs areola’s tattoo. This sequence allows minimize the scars of reconstruction. Results: The combined surgical reconstruction technique of the nipple and areola pigmentation allows very satisfactory results. These are safe and effective techniques for restoration of the NAC, following breast reconstruction and has a positive impact on patient well-being and body image. Conclusion: Reconstruction of the nipple-areola complex using a minimal surgical procedure and pigmentation is a simple process, low cost and its low rate of complications. This step represents “icing on the cake” to the patients.

Key words: breast neoplasms, breast reconstruction, tattooing

projeto-cereja-viviane-gabriella-batista